segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

ADQUIRA O LIVRO DE RECEITAS DE PRATOS TÍPICOS DA CULINÁRIA POLONESA


Edição esgotada. São anos de experiencia e pesquisas, da Sra. Maria Warpechowski Lacerda,  sobre a cultura gastronômica polonesa, resumidas em ótimas receitas. Indicado principalmente aos descendentes polonicos. São 27 (vinte e sete) receitas: Sopa de batatinha, sopa de tomate, sopa azedinha, massa para pastel frito, massa para pastel assado, massa para pastel cozido - Pierogy, pastel de requeijão cozido, massa folhada, panqueca, nhoque de requeijão, batata na manteiga, palitos salgados, torta de espinafre, sufle de cenoura, refogado de legumes, pato recheado assado, bigos, sufle de repolho, salada mista, salada de repolho roxo, napolitano, maça em calda, piernic - bolachinha, pastel de uva, bolo de requeijão, bolo de café.



GASTRONOMIA POLONESA (HISTÓRICO, NÃO CONSTA NO LIVRO)

Descrição:
Quando chegaram, os imigrantes poloneses começaram a desmatar e plantar. Plantaram primeiro Zemeaki (batatinha) e com fazendeiros da região conseguiram sementes de milho, abóbora, etc...
A farinha de  milho, canjica, melado de cana, erva mate, fermento de batata, vinagre de vinho, de laranja, e até mesmo  o acético, canha, salame, charque, passaram a fazer parte da alimenteção básica preparadas em panelas colocadas diretamente no fogo. O trabalho nas lavouras exigia uma alimentação forte e variada, então carnes diversas, salames, presuntos, touchinhos defumados, torresmo, banha, feijão, mandioca, batata doce, ovos, galinha, pães, temperos diversos, mel, frutas e legumes diversos, café, etc. Com a fartuara a carne era frita e guardada em baldes ou latas com banha, o repolho em pipas de madeira ou potes de barro, os quais eram deixados macerando com sal.
Instalados na localidade começão a receber amigos , vizinhos e parentes para compartilhar receitas de bolachas e doces, mudas de temperos, flores e verduras. Nas celebrações como casamentos, batizados, 1ª comunhão, natal e páscoa, a preparação dos alimentos era a festa maior, entre eles: carne suina, pato ou ganso, creme de leite, beterraba, mal, passas de uva, requeijão, ricota, batata, cogumelos, verduras, ovos e baicon. Que aparecem em pratos como: barscz czerwony (sopa de beterraba), barscz (sopa de carne com osso bovino ou suino), zurek(sopa de trigo), kotlet twardowski (bife a rolê), rolada nadziewana (rocombole de carne moida recheada com pimentão e cogumelos), bygos (cosido de repolho e linguiça), bygos myliwski (ensopado com carnes, defumados, legumes e repolho azedo), jajiczyca (ovos mexidos com baicon), sos bialyz kielbaca (molho branco com linguiça), sos pomidorowy (molho de tomate), pirogy (pastéeis com recheio de requeijão, uva, fritos ou cozidos), ziemniaki po warskwsku (batatas a varsoviana), czarnyna ( sopa parda de origem russa, incorpada pela cultura polonesa), szarlotka placek jabizami (bolo de maçã).



2 comentários:

  1. Como faço para adquirir um exemplar? Minha avó era polonesa, tento resgatar um pouco a tradição... Grata!

    ResponderExcluir